Bebidas

Carnaval, caipirinha e o novo status da cachaça

Cachaça, o hit etílico deste Carnaval

Se você é um verdadeiro folião, certamente é um apreciador de caipirinha, e sabe que uma autentica só é feita com cachaça. Nada de vodca, saque ou rum. Agora se você realmente está up to date com o mercado etílico, deve saber também que a boa e velha cachaça saiu do campo, cruzou fronteiras e hoje é inspiração para mixologistas do mundo todo.

Não é à toda que o coquetel oficial do Golden Globe Awards deste ano, ovacionado por celebridades internacionais em Los Angeles, na primeira semana do ano, foi The Moët Belle, uma sofisticada combinação de cachaça com champagne e frutas tropicais, apresentado pelas mãos de Camila Belle. A atriz americana tem mãe brasileira, e não deixou de lado suas raízes na cerimônia de premiação do evento.

Porém, não estamos falando de qualquer cachaça. Estamos falando daquela cachaça de qualidade, aguardente produzida obrigatoriamente com graduação alcoólica entre 38 e 48 por cento em volume, a 20°C, obtida pela destilação do mosto fermentado do caldo de cana-de-açúcar, sem adição de açúcar.

A única bebida brasileira reconhecida internacionalmente com IG – Identificação Geográfica, a cachaça hoje é sinônimo de brasilidade, e ganhou status depois de participar e colecionar medalhas nos maiores concursos de bebidas do mundo – International Spirits ChallengeWorld Spirits Competition, World Wine & Spirits Competition, Spirits Selection e Miami Rum Festival, entre outros.

Podia até parecer fácil produzir cachaça tempos atrás, lá numa fazenda do interior de Minas Gerais com o excedente de cana. Porém hoje, tanto o produtor da fazendinha mineira, quanto as grandes fábricas de cachaça do Brasil, atentam–se aos mesmos rígidos padrões de qualidade, e se enquadram em novos parâmetros técnicos e estruturais, muito bem elaborados.

Isso sem falar no conhecimento especializado de um cachacier – sim, já temos sommelier de cachaça, profissional com profundo conhecimento em estilos e etapas da cadeia produtiva do destiladoe do tempo que se leva para finalizar um produto final “tipo exportação”.

A nossa cachaça tem conquistado o mundo, e é exportada para dezenas de países, como Alemanha, Canadá, Espanha e Itália. Segundo informações do MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o Brasil tem mais de 4 mil produtores da bebida, setor que ganha força com a ascensão da cachaça em mercados internacionais e com o surgimento de movimentos como o da UCB – União Cachaça Brasil, um grupo de produtores nacionais, criado recentemente para fomentar a valorização e a produção da cachaça de qualidade.

Considerada a segunda bebida alcoólica mais consumida no país, só perdendo no pódio para a cerveja, a cachaça é, e sempre foi considerada marca registrada do Brasil, assim como o Carnaval, que vem chegando com altas temperaturas e uma verdadeira explosão de alegria.

É tempo de Cachaça Appeal de norte a sul do país, destacando para este ano, não só a caipirinha, como muitas outras novidades em coquetelaria, drinks refrescantes para espantar o calor, todos elaborados com cachaça de qualidade, para agradar ao paladar de brasileiros e estrangeiros que fazem a festa nesta época do ano.

UCB reúne entusiastas da cachaça

Partindo do princípio de que a primeira regra básica para um setor prosperar é a união, a UCB – União Cachaça Brasil nasceu há menos de três meses do esforço de amantes da cachaça, um pequeno grupo de produtores que já arrebanhou mais de cem associados e segue trabalhando ações conjuntas para valorização da bebida.

+ LEIA TAMBÉM SOBRE: Prêmio Comunicação e Destaque mais uma vez bate recorde de público

Promover a imagem institucional da cachaça de qualidade e a excelência nos processos de produção da bebida são os principais objetivos da UCB, por isso, cachaça sem registro no MAPA não faz parte deste grupo. O grupo é dirigido, basicamente, por produtores de cachaça, seja ele de escala industrial, artesanal, pequena, grande, coluna ou alambique, e demais interessados em colaborar com o merecido lugar de destaque do verdadeiro destilado brasileiro.

Como consequência, em um futuro não distante, o grupo espera que a cachaça conquiste mais destaque em meios de comunicação, classes sociais e comércio especializado, e ser transforme também no orgulho de cada cidadão brasileiro.

A UCB está em constante formação, e aberta às ideias e apoio em prol da verdadeira cachaça. Para apoiar essa causa ou se associar, basta acessar o site www.unicaocachacabrasil.com.br e obter mais informações sobre como participar. Aos demais interessados no movimento Cachaça Appeal, notícias, novidades e curiosidades do setor são publicadas periodicamente nas redes sociais da UCB no Facebook e Instagram.

Fonte: Lead Co.Press & Marketing

 

Siga o Egonotícias no Instagram: @egonoticias

Lourdes Castro

Nascida em São Paulo, Capital - SP, Brasil, Formada em Comunicação Social pelas Fiam- Faculdades Integradas Alcântara Machado, Pós Graduada em Administração de Marketing pela Fecap, Especialização em Assessoria de Imprensa pelo Senac. Jornalista, Assessora de Imprensa e Produtora do Programa Fama & Destaque da Apresentadora Viviane Alves, pela TV Guarulhos. MTB 15521

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar