Saúde e Bem-Estar

Cirurgia da catarata é uma das mais seguras no Brasil

Com o avanço tecnológico o procedimento é mais rápido e indolor

Muitas pessoas entravam no centro cirúrgico com medo do procedimento, afinal estamos falando dos olhos. Hoje a realidade é outra. Com equipamentos de última geração a cirurgia de catarata tem trazido mais precisão e segurança para os pacientes.

A catarata é a principal causa de cegueira reversível no mundo. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a doença é responsável por 51% dos casos de perda de visão em todo o planeta, e atingi principalmente os idosos.

Segundo o oftalmologista Dr. Sérgio Shibukawa, existe a catarata congênita, na qual o bebê já nasce com a patologia e pode surgir com o uso crônico de corticoide, diabetes, uveítes (inflamação intraocular), doenças metabólicas, traumas e exposição excessiva à radiação ultravioleta.

olhos catarata – Foto Divulgação

No Brasil, dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que 28,7% dos brasileiros com mais de 60 anos sofrem da doença. “O único tratamento é cirúrgico, o procedimento é um dos mais seguros e eficazes da atualidade”, destaca Shibukawa.

+ LEIA TAMBÉM SOBRE: Prêmio Comunicação e Destaque mais uma vez bate recorde de público

É importante dizer que a cirurgia corrigi outros problemas de visão como: miopia, astigmatismo e hipermetropia. “Hoje a lente intraocular, que substitui o cristalino opaco causado pela doença, pode ser personalizada com o grau necessário para o paciente”, pontua o especialista.

Lentes bifocais, multifocais, e agora trifocais foram criadas para permitir uma melhor visão. “A evolução das Lentes Intraoculares acompanha a rápida evolução tecnológica da medicina”, esclarece o oftalmologista.

O procedimento é feito com anestesia local, não causa dor. O paciente tem alta cerca de 30 minutos depois do procedimento. Segundo o Dr. Sérgio Shibukawa, com a tecnologia, não é necessário dar pontos de sutura nem curativos.

“A recuperação é rápida,o pós-operatório  é tranquilo e indolor, mas o paciente precisa ficar atendo e seguir as recomendações médicas”, destaca o oftalmologista.

 

Fonte: Elisângela Carreira

Lourdes Castro

Nascida em São Paulo, Capital - SP, Brasil, Formada em Comunicação Social pelas Fiam- Faculdades Integradas Alcântara Machado, Pós Graduada em Administração de Marketing pela Fecap, Especialização em Assessoria de Imprensa pelo Senac. Jornalista, Assessora de Imprensa e Produtora do Programa Fama & Destaque da Apresentadora Viviane Alves, pela TV Guarulhos. MTB 15521

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar