Feiras e EventosNotíciasTurismo

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo

Depois de um ano de muito planejamento e expectativa a WTM Latin America tem início no Expo Center Norte e o primeiro dia foi "muita calma nesta hora", num mundo onde os mercados estão em turbulência

A WTM-LA (World Travel Market Latin America) 2019 foi aberta inclusive com a presença do Ministro Marcelo Álvaro Antônio, que deu o ar da sua graça. Vinicius Lummertz, Secretário Estadual de Turismo de São Paulo; Claude Blanc, diretor global de Portfólio da WTM; Fernando Fischer, CEO da Reed Exhibitions Alcantara Machado; Luciane Leite, diretora da WTM-LA, tiveram a palavra durante abertura. Luciene Leite demonstrou, em números, o tamanho da edição desse ano. “Entre os estandes, 42 são de operadoras, um recorde para a WTM-LA. Nos três dias, estão pré-credenciados 2,5 mil agentes de viagens, desses 750 confirmados, que devem realizar cerca de 2,4 mil reuniões”, disse a diretora. Luciane também chamou atenção para as novidades da feira. Painel Women In Travel e o International Pavillon são destaques. “É o primeiro ano que o Women In Travel vem ao WTM-LA. Essa iniciativa já está presente nos demais eventos pelo mundo e é de extrema importância quando vemos que 63,5% do time da WTM é composto por mulheres”, afirma. “O International Pavillon, um lugar para expositores independentes apresentarem seus produtos, também teve maior adesão esse ano. No total, há 16 expositores confirmados de diversos países. Outra comemoração é o retorno de destinos à feira, como a Guatemala, Santa Catarina e Alagoas.”

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Em sua fala, Lummertz, enfatizou as conquistas da pasta, estadual e nacional, nos primeiros meses dos novos governos. A isenção de visto ao Japão, Estados Unidos, Canadá e Austrália; abertura de capital internacional de aéreas; redução da alíquota do ICMS para combustível de aviação em São Paulo e a renovação da Lei Geral do Turismo foram mencionados. “Estamos em um momento de subida do turismo, o setor cresceu quase o dobro da economia do país em 2018. Esse é o momento de tirar o estado da frente para a economia expandir”, afirmou. Foto: Jeff Severino

 

Para finalizar a abertura, o ministro do Turismo prometeu um grande revogaço antes dos 100 dias de governo. “Vamos revogar tudo aquilo que traz burocracia e impedimento ao desenvolvimento do turismo. Devemos estar de portas abertas ao capital estrangeiro, seguindo uma agenda liberal”, afirmou Antônio. Papo de político, como sempre. Por fim, afirmou que a pasta busca implementar um teto nacional de 12% para a alíquota do querosene. “Queremos incluir 40 milhões de viajantes no turismo doméstico e para isso temos que diminuir o custo brasil”, finalizou. A 7ª edição do evento continua até quinta-feira (4), no Expo Center Norte, com a participação de 600 expositores de 50 países diferentes.

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Destinos pouco conhecidos, a exemplo do Egito, são apresentados no amplo e moderno estande que o país apresenta na 7ª edição do WTM Latin America, que ocupa o Expor Norte com 600 expositores. Foto: Jeff Severino

 

“Os turistas brasileiros vêm ampliando no Egito e estamos focando nesse público”, diz na WTM Latin America o diretor da Watania Tours, George Gameel. Berço da civilização moderna, o Egito costuma despertar fascínio e atrair turistas do mundo inteiro em busca da sua poderosa história, que costuma ser ilustrada principalmente pelas pirâmides e tumbas dos Faraós. Esses famosos símbolos, no entanto, já não dão mais conta da diversidade de atrações que o país oferece a seus turistas, revela George Gameel, diretor da agência Watania Tours, em Cairo. “A maioria dos turistas que chegam no Egito estão em busca da sua rica história e têm como destino as pirâmides. Apesar de esse turismo cultural predominar, o Egito vai muito além dele”. Hoje, prossegue George, “o turismo representa 5% do PIB do país e está em pleno crescimento. A expectativa é a de que esse número alcance 7% até 2020”. Esse crescimento se justifica, em sua maior parte, pela diversidade de destinos trabalhos pelo país, que inclui, entre outros, cruzeiros, práticas de esporte como o mergulho, praias, desertos…

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
A palestra do Google foi excelente e ainda tem mais uma hoje. Não tem como ficar fora da WEB, das mídias sociais. É primordial investir no marketinf digital. Presentes grandes nomes como Phocuswright, HSMAI Brasil, ABBV e outras mais.

 

Empresas da África, Oriente Médio, Ásia, Europa, América do Norte e América Latina também tentam fazer a diferença atraindo o mercado brasileiro com produtos e novidades. Mais negócios e networking nas sessões de Speed Networking entre expositores, compradores e influenciadores digitais, que precisam aprender/entender a mostrar aquilo que estão vendo e não eles mesmo no local. Os “influenciadores” precisam entender que não são eles o foco, e se não mudarem a percepção de mostrarem eles mesmos neste ou naquele local, dando ênfase a si próprios perderão, como estão perdendo, mercado sendo que a quase totalidade deles compram seguidores e as novas ferramentas da web demonstram isso, por isso eles perderam peso e espaço, o que já ficou demonstrado na WTM Londres. Sinceramente, são peixes fora d’água, pois não conhecem o trade e o seu funcionamento.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Bariloche estima 50 mil turistas brasileiros neste próximo inverno 2019.

 

Como a conectividade da Aerolineas Argentinas está inviabilizando a ida de Brasileiros a cidade mais austral do Planeta, Ushuaia, obrigando a todos os turistas brasileiros a trocarem de aeroporto (pousam em Ezeiza e depois tem que dirigirem-se ao outro lado da cidade, ao Aeroparque, para seguirem viagem até Ushuaia, tornando a viagem longa demais (em média 20 a 25 horas de viagens, cara demais, cansativa demais, Bariloche estima 50 mil turistas brasileiros neste próximo inverno 2019. O que se tem impressão é que a Terra do Fogo, à Patagônia Fantástica, não tem valor, pois a Emprotur (Organização de Promoção Turística na Região) anunciou novidades somente para Bariloche. São inúmeros voos charters pela Azul, Latam e Aerolineas Argentinas. A falta de conectividade para os demais destinos é gritante e a Aerolineas não acredita que está prejudicando imensamente o turismo argentino. O país tem destinos fantásticos e com o câmbio extremamente favorável a nós brasileiros. Não se sabe o que fazer para que a a Aerolineas entenda que a Patagônia Fantástica precisa de muito mais conexões do que apenas um voo.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Equipe da Aerolineas Argentinas

 

Ao todo, são seis novidades com relação a malha aérea para Bariloche. A Latam Airlines oferecerá voos todos os dias, de 1º de julho a 15 de agosto, entre São Paulo e Bariloche. Já a Aerolineas Argentinas terá operações extras com conexões em Buenos Aires. “Um ponto importante na expansão é pensar nas conexões aéreas nacionais. Hoje, Bariloche está ligada a cidades como Córdoba, Mendoza, Rosário e Calafate, por exemplo”, afirmou o diretor. Ele apenas “esqueceu” de informar que essas conexões são absurdas e extremamente longas, o que inviabilizam a nossa viagem para lá.

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Em relação a empresas brasileiras, o destino firmou acordo com a Azul Linhas Aéreas e Decolar. A primeira ofertará três voos semanais a partir de 15 de junho, além de uma frequência semanal o ano todo. Ambas operações partem do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP). Por sua vez, a Decolar.com comercializará 100 voos charters para o destino, que será o primeiro da organização para fora do país. A operação se inicia a partir de 1º de junho.

 

Com o fortalecimento do mercado de inverno, com forte presença brasileira, Bariloche quer mostrar algo novo aos turistas. O preço competitivo, eventos, festividades e a gastronomia local são alguns dos pontos explorados para incrementar o turismo além do inverno.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Sem uma expectativa definida, a ideia da Emprotur para os próximos meses é trabalhar as quatros estações da região.

 

Sendo assim, sem uma expectativa definida, a ideia da Emprotur para os próximos meses é trabalhar as quatros estações da região. “Como medidas prioritárias nessa prospecção de verão, primavera e outono, apresentaremos a viabilidade do destino. Os preços serão nosso principal trunfo, juntamente com a relação com agências de viagens, imprensa e empresas aéreas”, finalizou Tiberi.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo 1
Ao que tudo indica também, as estações de esqui do Chile irão receber número recordes de brasileiros, principalmente por conta da conectividade aérea pela Sky Low Cost. Rápida, barata e voos diretos entre Florianópolis, São Paulo, Rio de Janeiro. Foto: Divulgação – Ski Portillo – Chile

 

A Travel Ace, minha seguradora em todas as viagens (jamais viajem sem ter esse amparo) tem forte presença na WTM Latin America. A Empresa considerado um das principais e melhores do mundo afirma que este é um lugar ideal para realização de networking.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
“É uma oportunidade de estamos perto dos nossos clientes e ainda participar deste evento tão relevante para a agenda do setor,” afirma Federico Siri, presidente da Travel Ace.

 

Desde março de 2018, a Travel Ace é a filial brasileira do Cover More Group, sediado na Austrália e braço global de seguro viagem do Zurich Insurance Group. A gigante do setor de seguros, sediada na Suíça, com 54 mil colaboradores e presente em mais de 210 países e territórios.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Presente também na WTM-LA, toda a equipe do maior Festival de Turismo do Norte e Nordeste do Brasil, o JPA Travelk Market, que acontece em Outubro em João Pessoa, capital da Paraíba. Foto: Jeff Severino

 

 Segundo um dos Diretores Claudio Jr; “Trata-se de uma das feiras mais importantes do Brasil e do mundo e justamente por isso comparecemos com toda a nossa equipe. Participamos de todas as edições da WTM e pudemos constatar o seu crescimento. Fechamos novos negócios, renovamos os anteriores e prospectamos grandes e novos negócios para o JPA Travel market 2019 que vem com inúmeras novidades, uma delas são as novas caravanas de buers, com vários destinos internacionais interessados em estar presentes em nosso evento”.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Os diversos atrativos de Santa Catarina também estão presentes nesta 7ª edição da World Travel Market Latin America. Cerca de 50 representantes do setor público e privado integram o estande de SC no evento.Fotos: Jeff Severino

 

 No espaço de 70 m² coordenado SANTUR, estão representadas cidades de seis regiões turísticas de SC: Grande Florianópolis, Costa Verde e Mar, Vale Europeu, Caminho dos Contestado, Encantos do Sul e Caminho dos Príncipes. A realeza da Festa das Flores (Joinville), da Fenarreco (Brusque) e da Festa Pomerana (Pomerode) recepciona os visitantes. A cidade mais alemã do Brasil, Pomerode, oferece chop e comidas típicas da região, como a linguiça Blumenau e as tradicionais bolachas decoradas com tema de Páscoa.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
De acordo com a presidente da Santur, Flavia Didomenico, participar dessa rodada durante a WTM permite ao trade de SC ampliar sua rede de contatos com compradores altamente qualificados. Foto: Jeff Severino

 

Dois destinos de SC participaram ainda de uma sessão do Buyers Club, na manhã desta quarta, dia 03. O público foi formado por 75 responsáveis diretos por compras de destinos de todo mundo. O evento contou com apresentação realizada em inglês pelo Parque Unipraias, de Balneário Camboriú e do Floripa Convention & Visitors Bureau. 

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo
Eduardo Pereira e Bruno Mesquita (Diretor do JPA Travel Market). Foto: Jeff Severino

 

O Tambaú Hotel, ícone hoteleiro da capital paraibana também está presente na WTM. Segundo o CEO do empreendimento Eduardo Pereira: “A WTM-LA é um evento muito importante que agrega além da exposição dos destinos e produtos, palestras, treinamentos e encontros agendados. Muito bom esse modelo. Em relação ao Tambaú Hotel, estamos mostrando informando ao trade que acabamos de inaugurar no novo SPAÇO ZEN com saunas, massagens e tratamentos estéticos, e já próximo dia 12 inauguraremos o também novo Bar de Praia, uma atração espetacular para hóspedes e moradores de João Pessoa. Mais uma excelente opção de entretenimento”.

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo 2
Cabe relembrar que a WTM Latin America é a edição latino-americana da maior feira de turismo do mundo, realizada anualmente em Londres, na Inglaterra. Trata-se do evento mais internacional do calendário de feiras de turismo do continente, com participação de 50 países expositores. A Embratur participa do evento no Brasil por se tratar de uma feira internacional com os principais interlocutores do setor de turismo de todo o mundo.

 

Para ver todas as fotos clique AQUI

Leia ainda: Bem vindo a Flórida. Quando a infraestrutura faz a diferença no turismo

 

7ª Edição WTM Latin América em São Paulo 3

Jefferson Severino

Jeff Severino, lageano, jornalista diplomado - SC-01571-JP, pela - INISUL - Campus Pedra Branca - SC, profissional por sacerdócio e devoção, além de fotógrafo por paixão (passarela, eventos, mulheres, natureza). Especialista em turismo/gastronomia/hotelaria/destinos turísticos. Eterno viajante. Assessor de Imprensa da Associação Brasileira de Agentes de Viagens-SC. Articulista/colunista/editor/redator/fotógrafo, de jornais e revistas e sites nacionais e internacionais. 48- 9 9163-7172 - TIM - WhatsApp - Florianópolis - SC

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar