Shows

Acordeonista lituano Laimonas Salijus vem ao Brasil para três apresentações

Renomado músico lituano fará três apresentações no Brasil, dia 24/09 em Recife, dia 26/09 em João Pessoa e dia 1º/10 em Brasília.

Laimonas Salijus se apresenta em três cidades brasileiras

O acordeon é um dos instrumentos mais utilizados na música popular brasileira, em seus mais diferentes estilos.

Essa participação é tão grande que há quem não imagine seu uso na música de concerto.

No entanto, sua presença no contexto erudito é também tradicional.

Como forma de divulgar essa vertente do acordeon por aqui, a produtora Quitanda Musical traz ao Brasil um dos mais importantes acordeonistas do mundo na atualidade.

Trata-se do consagrado músico e educador lituano Laimonas Salijus, com sólida formação teórica e sendo concorrido solista em concertos nos mais diversos contextos musicais realizados em diversos países, além de detentor de inúmeras premiações. 

Turnê no Brasil : Recife, João Pessoa e Brasília:

Pernambuco: Recife

Dia 24 de setembro (terça-feira), o acordeonista  se apresentará em concerto solo no Conservatório Pernambucano de Música no Recife (PE).

No concerto solo, Lamoinas investirá em obras de origem erudita e também algumas do argentino Astor Piazzolla, um dos grandes nomes do bandoneón, instrumento da família do acordeon.

Piazzolla sempre foi mestre nessa aproximação do tango com a música erudita.

Paraíba: João Pessoa 

Dia 25 de setembro (quarta-feira) , 14h, fará um workshop no Departamento de Música UFPB – Universidade Federal da Paraíba.

 Uma boa oportunidade para se conferir a sua versatilidade.

Dia 26 de setembro (quinta-feira) Laimonas se apresentará em João Pessoa, acompanhado pelo Quinteto Clóvis Pereira.

Criado em 2018, o quinteto paraibano é integrado pelos experientes e talentosos.

Entre eles:  Daniel Espinoza (violão), Victor Mesquita (contrabaixo), Marcelo Vasconcelos (violino), Kalim Campos (violoncelo) e Yerko Tabilo (violino).

Ao lado de Laimonas, tocarão temas de autoria de J.S.Bach, R.Galliano e Astor Piazzolla.

Brasília:

Sua última apresentação no Brasil será no dia 1º de outubro (terça-feira) em Brasília. No concerto, Laimonas será acompanhado pela Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro (OSTNCS), sob  regência do Maestro Claudio Cohen.

O repertório trará “Strambotti”, do brasileiro André Mehmari, e também  “As Quatro Estações Portenhas”, do argentino Astor Piazzolla, dois autores latinos célebres por mesclar elementos da música erudita com a popular, algo também presente na trajetória de Laimonas Salijus.

Regida atualmente pelo maestro Claudio Cohen, a OSTNCS está na ativa há 33 anos.

Realizou milhares de concertos e atuou com o Ballet Bolshoi, o Ballet da Ópera de Paris e também com artistas como Tom Jobim, Ivan Lins, Wagner Tiso, Martinho da Vila, Francis Hime e Zizi Possi, só para citar algumas de suas importantes colaborações.

Sobre Laimonas Salijus:

Laimonas Salijus - Crédito: Svetlana Batura
Laimonas Salijus – Crédito: Svetlana Batura

Nascido em 1991 em Kedainiai, na Lituânia, Laimonas Salijus iniciou sua formação musical aos 6 anos de idade.

 Em 2010, recém-formado, decidiu se aprofundar no estudo do acordeon na Academia de Música e Teatro em Vilnius (capital da Lituania).

Passou também pela Universidade Alemã Hannover Music, Theatre e Medien, com o acordeonista Prof. Elsbeth Moser (2015 a 2016).

Conquistou seu mestrado aos 25 anos (2016), na Academia de Música da Universidade Vytautas Magnus, das mais importantes da Lituânia.

Participou com destaque das principais competições internacionais de música ao longo de sua carreira, em países como Itália, Eslovênia, Canadá, Croácia, Ucrânia, EUA, Estónia, Rússia, Áustria e Letónia.

Entre os prêmios mais importantes do acordeon, atingiu o 2º lugar na “Coupe Mondiale World Accordion Championships e Trophée Mondiale de L’accordéon”,  na categoria Senior Classic, em 2014.

Laimonas atuou em diferentes projetos musicais em sua carreira.

Alguns deles foram o Duo D’accordo com a acordeonista lituana Gintare Akstinaviciute.

Além de duo de acordeon e órgão com a organista Dalia Jatautaitė, e  acordeon e violino com Milda Ku e  Ma’Tango Quartet.

Atualmente, realiza turnês constantes na Europa como solista convidado de orquestras.

Entre elas: Sinfônica de St. Petersburg (Rússia), Orquestra de Câmara da Universidade Vytautas Magnus (Lituania), Orquestra Sinfônica Paulavičius (Lituania), Lativian National Symphony Orchestra (Latvia).

Além de concertos solo e também em parceria com cantores de ópera como o lituano Giedrius Prunskus.

Ele é o idealizador do projeto INDEED, um virtuoso trio de acordeonistas que trazem uma roupagem totalmente moderna do clássico, tango e instrumental, prova de sua versatilidade.

Laimonas é uma das principais referências do acordeon clássico da atualidade, se destacando como instrumentista e como professor.

Serviço:  Concertos Laimonas Salijus 

Pernambuco:   24/09 – 19h30 – Conservatório Pernambucano de Música – Auditório Cussy de Almeida – Av. João de Barros, 594, Santo Amaro – Recife – PE   Duração: 60 minutos- Entrada: Gratuita

João Pessoa (PB): 26/09 , às 21h,  Laimonas Salijus (Lituânia) e Quinteto Clóvis Pereira –  Espaço Cultural José Lins do Rego – Sala de Concertos Maestro José Siqueira. Endereço : R. Abdias Gomes de Almeida, 800 – Tambauzinho- João Pessoa – PB  Fone: (0xx83) 3255-8718  Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada)

Brasília (DF):1/10, às 20h –  Programa com Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasilia,

sob a regência do Maestro Claudio Cohen   Endereço: Entrequadra Sul 106/107 – Brasília  Gratuito

Assista: https://www.youtube.com/channel/UCWn2bW2MeaydC8-vsrb9h9g

LEIA MAIS: Mental Abstrato se apresenta na Casa-Museu Ema Klabin

Cristina Aguilera

Cristina Aguilera é jornalista com pós graduação em Mídias na Educação pela Universidade de São Paulo (USP) . Foi repórter de tv, rádio, revista, assinou colunas de Turismo e Moda. É co autora do livro “ A educação contada pela imprensa” junto com Cesar Callegari. Adora moda, turismo, educação, literatura, designer e cultura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar