MIDIA 05 – Top Mega Banner 970 x 250 – DESK
Arte e CulturaENTRETENIMENTOFeiras e EventosNotíciasVARIEDADES

Escritor e bibliófilo Rendrik F. Franco lança seu terceiro livro de poemas

Obra tem prefácio da renomada crítica literária Noemi Jaffe e pode ser encontrada nas principais livrarias do país

Escritor e bibliófilo Rendrik F. Franco lança seu terceiro livro de poemas

O escritor Rendrik F. Franco lançou seu novo livro “Quando as cores do sétimo dia”.

Com prefácio da renomada crítica literária Noemi Jaffe, a obra reúne 34 poemas em 96 páginas.

Esse é o terceiro  livro do escritor que também publicou: “Nossas pálpebras” (2010) e Casas Geraes (2016),  todos pela Editora Iluminuras.

escritor-Ema-416x480 Title category
Rendrik F. Franco lançou seu novo livro na Casa-Museu Ema Klabin

Segundo o  escritor,  o que o inspira a escrever poemas são “as pequeninas e aparentemente invisíveis frestas do quotidiano que todo poeta tenta, incansavelmente, acessar”. Rendrik conta ainda que seu projeto foi parcialmente desenvolvido em uma das oficinas literárias da Fundação Ema Klabin, em São Paulo.

Sobre o título do novo livro “Quando as cores do sétimo dia”, Rendrik F. Franco explica que os títulos são sínteses imagéticas dos poemas.

“No caso, além de ser o título de um desses poemas, este pretende espelhar também a alma do livro, em seu conjunto. Torço para que cada leitor possa senti-lo de forma única e que possa buscar suas próprias respostas (ou perguntas) sobre ele”, diz.

O livro pode ser encontrado nas principais livrarias do país e no site da  Editora Iluminuras: http://www.iluminuras.com.br

Sobre o escritor:
Rendrik F. Franco é escritor e bibliófilo. Entre 2007 e 2015, frequentou as Oficinas de Criação Literária do Museu Lasar Segall e da Fundação Ema Klabin. Reside em Toronto, Canadá.

Clique aqui e conheça mais sobre a Editora Iluminuras. 

Serviço:

Livro “Quando as cores do sétimo dia”- Rendrik F. Franco

Onde encontrar: Principais livrarias do país e no site da  Editora Iluminuras: http://www.iluminuras.com.br

LEIA MAIS : Museu Ema Klabin: dez motivos para conhecer

Confira a  poesia “Fotógrafo”  do  Livro “Quando as cores do sétimo dia”,   de Rendrik F. Franco, Editora Iluminuras:

Fotógrafo

 

Uns tantos outonos

e nenhum cinzeiro no retrato.

Fiz oferendas, reguei o sertão com sedas

e rosa nenhuma pra me abençoar.

O tio foi tocar piano 

a lagartixa se lixou

o cortejo pegou cárie

a maldita carregou o cão

e me deixaram sem gás.

Não aguento mais vernissage

lançamento promoção curso de Lacan.

Confessei ao preso:

peço só sossego 

limão e um pouco de cal,

por mim o futuro esqueço

devolvo as circunstâncias

voo só na outra mão.

 

Tags
Show More

Cristina Aguilera

Cristina Aguilera é jornalista com pós graduação em Mídias na Educação pela Universidade de São Paulo (USP) . Foi repórter de tv, rádio, revista, assinou colunas de Turismo e Moda. É co autora do livro “ A educação contada pela imprensa” junto com Cesar Callegari, membro do Conselho Nacional de Educação (CNE). Adora moda, turismo, educação, literatura, designer e cultura.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker