ArquiteturaPoliticaTurismo

Se não tiver Vento Sul forte e nem chuva, provavelmente a ponte Hercilio Luz voltará a funcionar em Dezembro

Agora a novidade é que a estrutura da Ponte Hercílio Luz, será entregue à sociedade dia 30 de dezembro de 2019

Não sou pessimista, apenas realista. Como já ouvi todas as promessas possíveis sobre a abertura da ponte até com banda de música, sou muito cético com relação a esse verdadeiro poço sem fundo que já elegeu muita gente. Da mesma forma em a nossa Beira Mar Norte despoluída. To esperando o Esperidião Amim colocar o guarda sol dele lá e tomar um belo banho.

Agora a novidade é que a estrutura da Ponte Hercílio Luz, será entregue à sociedade dia 30 de dezembro de 2019, será aberta gradativamente, com prioridade para pedestres, ciclistas e transporte público (pra mim, jamais ônibus, pesados e vão engarrafar, imobilizar ainda o nosso congestionado centro da cidade).

 Uso da ponte Hercílio Luz e entorno é discutido na oficina Ponte Viva
FloripAmanhã – Foto Cristina Galdo

Essa foi uma das decisões apresentadas por órgãos municipais e estaduais envolvidos na gestão da ponte Hercílio Luz durante a segunda edição da Oficina Criativa Ponte Viva. A oficina foi organizada pela Associação FloripAmanhã e prefeitura de Florianópolis e aconteceu na Câmara de Dirigentes Lojistas, reunindo “especialistas” do governo do estado (fato muito duvidoso) PMF, entidades não governamentais, estudantes e sociedade em geral. De acordo com o coordenador, a oficina teve como objetivo discutir a importância da ponte como monumento histórico e cultural para o desenvolvimento do município e do estado, além do seu papel na mobilidade urbana na Grande Florianópolis.

A utilização do entorno da ponte prevê diversos empreendimentos para atrair o turismo para a região. “Se tivermos empreendimentos como restaurantes, bares, museu poderemos ter um símbolo como a Torre Eiffel aqui”, disse o professor da UFSC, Neri dos Santos. Isso é que é sonhar. Em que lugar ele quer construir bares, restaurantes… E as autorizações do ICMBio, Fátima e todas essas tranqueiras ?… Nesse sentido, a superintendente do Iphan/SC, Liliane Nizzola, anunciou que a “licitação” (que levará uns dois a três anos) para a restauração do Forte Santana, do lado insular da ponte, no valor de R$ 2,3 milhões (hoje, quando a licitação for aprovada, multipliquem por cinco). Também deve ser construído um museu da ponte, ainda sem local. Está prevista ainda a recuperação do Forte São João, no lado continental. Portanto, está tudo “previsto”, só não se sabe quando.

Se não tiver Vento Sul forte e nem chuva, provavelmente a ponte Hercilio Luz voltará a funcionar em Dezembro
Ponte Hercílio Luz -Foto: G1

O secretário adjunto de estado da Infraestrutura e Mobilidade, disse que a infraestrutura está sendo vista sob um “novo olhar”, por uma perspectiva que inclui turismo, cultura, mobilidade, desenvolvimento econômico e social, “transporte aquaviário”. Há quantos anos ouvimos isso? Nem o Grando com seu sino dei jeito nisso. Vai contra o cartel dos ônibus.

Se não tiver Vento Sul forte e nem chuva, provavelmente a ponte Hercilio Luz voltará a funcionar em Dezembro
Ciclistas em Risco – Foto: ND

Para se ter uma pequena ideia desse engodo, a prefeitura há dois anos discute o uso da ponte e entorno, levando em conta sua importância na mobilidade local e regional. Dizem que a prioridade inicialmente será para pedestres, ciclistas, isto é, a mesma prioridade dada no puxadinho da Via Expressa. O prefeito encerrou o encontro falando sobre obras e ações de conectividade com a ponte, como a integração cicloviária, com novas rotas, remodelação do transporte público e criação de novas linhas de ônibus para o centro. Portanto, muitas promessas e muito bla bla bla. Como disse, não sou pessimista, apenas realista.

Leia ainda: Beto Carrero World oferece pacotes rodoviários exclusivos aos participantes da Expointer 2019

turismoonline.net.br - O portal do turismo, hotelaria, gastronomia e viagens
turismoonline.net.br – O portal do turismo, hotelaria, gastronomia e viagens

Jefferson Severino

Jeff Severino, lageano, jornalista diplomado - SC-01571-JP, pela - UNISUL - Campus Pedra Branca - SC, profissional por sacerdócio e devoção, além de fotógrafo por paixão (passarela, eventos, mulheres, natureza). Especialista em turismo/gastronomia/hotelaria/destinos turísticos. Eterno viajante. Assessor de Imprensa da Associação Brasileira de Agentes de Viagens-SC. Articulista/colunista/editor/redator/fotógrafo de jornais e revistas e sites nacionais e internacionais. Contato: (48) 99163-7172 - TIM - WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar